As perseguições contra a Igreja – Século XX.

† Pax Christi!

Prof. Felipe Aquino trata da importante questão da perseguição anti-católica e de ideologias opressoras contra os membros da Igreja de Cristo, que em épocas, lugares e modos diferentes combateram e agrediram a liberdade religiosa… Seguem nesta linha o marxismo, o socialismo e tempestuosas tendências políticas de governos ou autoridades locais e passageiras…

* * * * *

Que DEUS, Nosso Senhor, abençoe a todos.

Catecismo da Igreja Católica (português)!!!

Catecismo da Igreja Católica (diversos idiomas)!!!

* * * * *

Aborto por desmembramento

† Pax Christi!

Aborto por desmembramento, com o padre Frank Pavone, dos Estados Unidos. Ele é diretor Nacional do grupo mundialmente conhecido como “Priests for Life” (Sacerdotes pela Vida). Também trabalha em TV católica e tem grande experiência em questões de bioética com grupos de médicos e enfermeiros.

O Pro-Life é um movimento de formação e educação familiar que vem conseguindo destaque na mídia do mundo inteiro… e já conta com multidões de membros. No Brasil, é conhecido como Pró-Vida. Já é costume que em países como Canadá e Estados Unidos, haja manifestações públicas realizadas por escolas, rádios, TV’s da Igreja e pessoas que mantêm simpatia na causa pela vida dos não nascidos, a nível público e com participação de multidões.

O Pro-Life também conta com a ajuda de políticos e pessoas de conhecimento legal, que ajudam a Igreja Católica nestas questões de formação familiar, de todas as idades e lugares. Agradecemos a atenção dos internautas e interessados.

* * * * *

Que DEUS, Nosso Senhor, abençoe a todos.

Catecismo da Igreja Católica (português)!!!

Catecismo da Igreja Católica (diversos idiomas)!!!

* * * * *

Abaixo-assinado RETRATAÇÃO do deputado anti-cristão Jean Wyllys.

Pax Christi!

Nós abaixo assinados, viemos a público exigir que o Senhor Deputado Jean Wyllys faça uma RETRATAÇÃO pela sua ofensa ao Santo Padre e por sua intolerância quanto a posição da Igreja Católica, seu pastor e seus fiéis frente a proposta do casamento homossexual.
Ao classificar o Sumo Pontífice como um ‘genocida em potencial’, o Deputado não só calunia, mas fere o sentimento religioso de todo o fiel leigo e tenta – avisamos que sem sucesso – calar os membros da Igreja.
Ademais, a declaração foi um desrespeito a livre expressão. O casamento homossexual não é um direito, mas é um direito civil ‘em discussão’ e mesmo que já fosse um ‘direito’ é impensável que um membro do ‘Casa Legislativa’ faça declarações intolerantes como esta.

Assine a petição aqui:

http://www.peticaopublica.com.br/PeticaoAssinar.aspx?pi=RJW2012

* * * * *

Que DEUS, Nosso Senhor, abençoe a todos.

Catecismo da Igreja Católica (português)!!!

Catecismo da Igreja Católica (diversos idiomas)!!!

* * * * *

Atitude CATÓLICA!!! Ação anti-promiscuidade!!!

† Pax Christi!

Manifeste-se sobre o desrespeito ao sentimento religioso ocorrido na Parada Gay

A Parada do Orgulho Lésbico, Gay, Bissexual e Transgênero de São Paulo decidiu este ano utilizar imagens ofensivas aos católicos para promover o uso do preservativo nas relações homossexuais.

O evento, que teve como tema um versículo distorcido do Evangelho de Cristo segundo São João – “Amai-vos uns aos outros: basta de homofobia!” – colocou 170 cartazes em postes ao longo da avenida Paulista, com modelos masculinos representando santos católicos como se fossem homossexuais, seminus e em posturas eróticas, ao lado das mensagens: “Nem santo te protege” e “Use camisinha”.
O fato foi uma clara provocação e um desrespeito à Igreja e às práticas religiosas de 155 milhões de brasileiros que professam a fé católica. É um ataque, deboche e vilipêndio do ensinamento moral da Igreja, que considera – sendo fiel à Revelação – os atos homossexuais intrinsecamente maus.
O Código Penal, no artigo 208, assinala que é crime:

“escarnecer de alguém publicamente, por motivo de crença ou função religiosa; impedir ou perturbar cerimônia ou prática de culto religioso; vilipendiar publicamente ato ou objeto de culto religioso. Pena – detenção de um mês a um ano, ou multa”.

O que houve na Avenida Paulista durante a “Parada LGBT” foi vilipêndio público do culto católico e ofensa ao sentimento religioso. O fato se torna ainda mais grave pelo fato de a Parada receber financiamento público, especialmente dos Ministérios da Cultura e da Saúde, da Petrobrás, da Caixa Econômica Federal e da Prefeitura de São Paulo. Consideramos que se este episódio passar despercebido, outros mais graves virão.
Se você sentiu-se ofendido e agredido na sua fé com os cartazes desrespeitosos à fé católica na “Parada LGBT”, convidamos a:
       
* * * * *

Que DEUS, Nosso Senhor, abençoe a todos.

Catecismo da Igreja Católica (português)!!!

Catecismo da Igreja Católica (diversos idiomas)!!!

* * * * *